Menino de 10 anos morre após acidente em parque de diversões na Zona Sul de São Paulo

Menino de 10 anos morre após acidente em parque de diversões na Zona Sul de São Paulo
Murillo Santos morreu após acidente em parque de diversões — Foto: Arquivo pessoal/Gianvitor Dias/TV Globo

Um menino de 10 anos morreu após se envolver em um acidente em um parque de diversões na avenida Padre Arlindo Vieira, Jardim Vergueiro, em São Paulo, na noite de sábado (30).

Policiais civis foram informados de que Murillo Santos estava em um dos brinquedos, quando acabou pulando da cadeira enquanto o equipamento ainda estava realizando a parada, segundo informou a Secretaria de Segurança Pública (SSP).

A criança chegou a ser levada para o Hospital Saboya, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Já uma parente informou ao g1 que Murillo saiu de casa para brincar com um amigo no parque, que fica na Praça Jardim Climax. Segundo ela, a criança estava saindo do brinquedo Skiing Dance, quando ele voltou a funcionar e fez com que Murillo e o amigo caíssem.

"Quando ele estava saindo do brinquedo com o amigo, o brinquedo voltou a funcionar com eles descendo. Era para ser duas tragédias, mas o amigo dele conseguiu escapar. O Murillo já não conseguiu. Ele era uma criança super carinhosa amorosa", afirmou Jéssica Brandão.

No domingo (31), parentes e amigos foram até a frente do parque para protestarem a morte da criança. O acidente também repercutiu nas redes sociais.

"Seca as tuas lágrimas e se me amas, não chores mais, o teu sorriso é a minha paz. Vai em paz Lilo", escreveu um familiar.

O caso foi registrado como morte suspeita e queda acidental pelo 26º Distrito Policial, que requisitou perícia.

Nesta segunda-feira (1), a EMEF Hercília de Campos Costa, onde Murillo estudava, suspendeu as aulas no período da manhã do 1° ao 5° ano em respeito aos familiares.

O corpo de Murillo foi velado e enterrado nesta segunda no cemitério São Pedro, da Vila Alpina.

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Subprefeitura Ipiranga, informou que o local onde ocorreu o acidente se trata de uma área particular que possui o auto de licença provisória para funcionamento.

"A gestão municipal lamenta profundamente o acidente ocorrido com a criança e se solidariza com os seus familiares", afirmou a prefeitura.

A previsão atual do parque é de ficar aberto até o próximo domingo (7). A organização ainda não informou se a programação irá continuar normalmente.

Fonte: Paola Patriarca e Gianvitor Dias, G1 SP e TV Globo — São Paulo